domingo, 5 de julho de 2009

Para os demais

Adiei este post por uns tempos, pois me faltava discurso no que ia falar. Pois bem, seguindo a linha do comentário feito por Lau Cariri (que hoje está volta ao seu sobrenome), falo aqui sobre os amigos que estão tendo participação e que são também criadores do blogue JerimumBeta. Vejo que eles agora se embrenharam em outras veredas, diferentes das do Soda Cáustica, com outra proposta, outra cara. Isso é um fato que acontece sempre em nossas vidas, quando temos que deixar alguma coisa para podermos correr atrás de outra, isso eu considero completamente natural de se ocorrer, e sempre irei respeita-los por isso, pois estão buscando sempre mais, e a ambição vista nesse sentido é sempre bom de se admirar.

Mas voltando ao Jerimum, eu que acompanho o blogue desde o começo, tenho visto várias críticas, e como tudo que é novo, existe sempre uma resistência por parte dos espectadores. Mas isso é irrelevante aqui no meu comentário, o que quero dizer é que o blogue dos meninos está criando uma cara própria, agora não aparece mais aos nossos olhos com a homogeneidade que a internete pode vir a causar. Pelo contrário, o blogue está se definindo aos poucos, e se mostrando à proposta que o deu início: o pensar de certos nordestinos sobre o mundo.

Para quem não ouviu o primeiro podcast gravado pelos meninos João Neto, Rondinelly e Zé Márcio, aconselho que vejam, pois realmente é um podcast gravado com moldes bem diferentes do que temos visto por aí.

Deixando as coisas de lado, digo a todos os amigos do Soda Cáustica que não se preocupem, o Soda sempre fará parte de nossas vidas, mesmo que seja apenas como um breve interlúdio.

5 comentários:

Lau Cariri disse...

É, Coronel. Apesar de Turuna ter dito que "fico" no Soda Cáustica, eu compreendo este seu texto. Ele ainda não escreveu desde então. Pessoalmente, eu percebo que tanto ele como João Neto e Zé estão entusiasmados com o novo projeto, o que pode impedir momentaneamente que voltem a escrever aqui. De verdade, há uma diferença muito grande entre o Jerimum Beta e o Soda Cáustica. Nosso blogue não tem uma regularidade, uma disposição contínua de textos. É amador mesmo. O Jerimum procura a frequência, o regular. Isso é ótimo para o tipo de proposta do saite e torna o negócio "profissional" (consulte Mução para o significado desse termo). Por fim, se mesmo com o tom menos fatalista do meu texto anterior ainda assim Turuna se doeu, eu temo que ele se doa mais uma vez com este seu. Tomara que sim: desse jeito ele escreve de novo por cá.

Coronel Venâncio Braga disse...

Eu não acho que o Turuna esteja se doendo com isso não, afinal, se dizemos essas coisas nesses tópicos, é apenas o nosso modo de mostrar que estamos sentindo falta do Turuna por aqui. Talvez quem esteja com dores sejamos nós, doidos(doídos?) que somos!

Turuna Tântalo disse...

Lau, desde então não tenho escrito nem lá nem cá.
Coronel, com todo o respeito, eu finco o pé. Fico.

Anônimo disse...

Uma palavra resume o Jerimum Beta: Ruim!

O textos de Turuna são completamente incompatíveis com aquela proposta de pseudo-regionalismo, somado a um misto de Revista Contigo e Ana Maria Braga (e claro, autoritarismo).

Ali é regionalismo forçado pra sulista ver.

P.S. Bloqueio de comentários é muito feio para uma mídia dita independente... É medo de ficar feio para os sulistas?

Anônimo disse...

Ah, e me assuta alguém como Zé compactuar com a proposta do Jerimum Beta. O mundo anda cada vez mais estranho.